ANTES DE LER É BOM SABER...

Este blog - criado em 2008 - não é jornalístico, embora contenha alguns conteúdos que navegam levemente nessas águas. Os textos são de autoria de Luís Carlos Freire, o qual descende do mesmo tronco genealógico da escritora Nísia Floresta. Esse parentesco ocorre pela parte das raízes da mãe do autor deste blog, Maria José Gomes Peixoto Freire, neta de Maria Clara de Magalhães Fontoura, trineta de Maria Jucunda de Magalhães Fontoura, descendente do Capitão-Mor Bento Freire do Revoredo e Mônica da Rocha Bezerra, dos quais descende a mãe de Nísia Floresta, Antonia Clara Freire. Essas informações são encontradas no livro "Os Troncos de Goianinha", de autoria de Ormuz Barbalho Simonetti, um dos maiores genealogistas brasileiros. O referido livro pode ser pesquisado no Museu Nísia Floresta, no centro da cidade. Luís Carlos Freire é especialista na obra de Nísia Floresta, membro da Comissão Norte-Riograndense de Folclore, sócio da Sociedade Científica de Estudos da Arte e da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência. Possui trabalhos científicos sobre a intelectual Nísia Floresta Brasileira Augusta, publicados nos anais da SBPC, Semana de Humanidade, Congressos etc. É autor de 'História do Município de Nísia Floresta', 'Cultura Popular em Nísia Floresta', 'A linguagem Popular em Nísia Floresta', dentre inúmeros trabalhos na área de história, lendas, costumes, tradições etc. Uma pequena parte das referidas obras ainda não estão concluídas, mas o autor entendeu ser útil disponibilizá-la neste blog, enquanto as conclui. Algumas são inéditas. O acesso permite aos interessados terem ao menos uma boa noção daquilo que buscam, até porque existem situações em que certos assuntos não são encontrados nem na internet nem em outro lugar. Algumas pesquisas são fruto de longos estudos, alguns até extensos e aprofundados, pesquisados em arquivos de Natal, Recife, Salvador e na Biblioteca Nacional no RJ. O autor estuda a história e a cultura popular da Região Metropolitana do Natal. Esse detalhe permitirá ao leitor encontrar informações históricas sobre a intelectual Nísia Floresta Brasileira Augusta, sobre o município homônimo, situado na Região Metropolitana de Natal/RN, além de crônicas, artigos, fotos poemas, etc. É PERMITIDO COPIAR TEXTOS DESTE BLOG, DESDE QUE A AUTORIA SEJA MENCIONADA. OBS. Só publico comentários que contenham nome completo, e-mail e telefone, pois repudio anonimato.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

MENSAGEM AO MEU FILHO FÍDIAS


FÍDIAS AUGUSTO CAVALCANTI MARQUES PEIXOTO FREIRE

Fídias, hoje não é a data do seu aniversário, mas quero homenageá-lo por ser você esse filho e especial na mais profunda acepção da palavra.
Obrigado por sua singularidade em meio a tantas decepções a que tantos pais estão sujeitos, infelizmente.
Obrigado por sua bondade.
Obrigado por seu amor aos estudos!
Obrigado por acordar quatro e meia da manhã e não achar que é madrugada.
Obrigado por se debruçar sobre os livros por horas a fio, sem entender essa prática como algo cansativo ou desgastante, como muitos o fazem apenas por imaginar a cena.
Obrigado por servir-se de seus talentos com sabedoria.
Você, ainda pré-adolescente, mas cheio de planos, e sem perder o encanto da sua infância.
Fídias, o importante na vida é sermos justos, mesmo que isso possa gerar equívocos.
Procure ser bom sem a psicose de querer sempre agradar por agradar.
Deixe sempre muito clara a sua posição sobre as coisas e jamais se permita influenciar por algo que não agrade a sua alma.
Nunca se envolva em causas para tirar vantagem ou fazer com que outros sofram.
Não tema reações advindas do descontentamento dos que porventura não acatarem suas decisões.
Vala-se eternamente da justiça e da bondade, reconhecendo que exatamente essas práticas também poderão render-lhe insatisfação.
Não se dobre aos pensamentos alheios quando o seu coração disser sim ou não.
Seja você.
Nunca queira ser outro ou falar por outro, mas permita-se sempre ver-se no lugar do outro.
No futuro olhe as pessoas mais novas como se fossem seus filhos, os de sua idade como se fossem seus irmãos, os mais velhos como se fossem seus pais e os idosos como se fossem seus avós.
faça com todos eles o que gostaria que fizessem a você.
Entregue sempre o seu dia a Deus e o reverencie sempre.
Respeite a natureza em toda a sua plenitude.
Respeite os animais e lembre-se que as diferenças entre eles e nós é mínima, principalmente por sentirem dor.
Fídias, algumas coisas que nos são ditas quando somos muito novos nos parecem talvez esquisitas, mas os tempo nos lapida a entendê-las.
E você já está muito polido!
Caminhe e olhe para trás apenas para compreender melhor o futuro 
Ah! Já ia me esquecendo de dizer: Obrigado por me surpreender com sua guitarra.
Confesso que realmente foi uma surpresa.
Seu pai Luis Carlos Freire

ESSA HOMENAM FOI DADA A POUCOS. E VOCÊ MERECEU!

Você é uma caixinha de surpresas boas.

DIA DA 1ª VITÓRIA DO PRESIDENTE LULA - FÍDIAS E SEU PRIMO MARCOS

FÍDIAS COMIGO NO CARCARÁ












FORMATURA DO ABC
AOS 7 ANOS NA ESCOLA
DEFRONTE A CASA DA SUA TIA-AVÓ, EM SÃO JOSÉ DE MIPIBU, EM 2003, À OCASIÃO DO ANIVERSÁRIO DA MESMA, ONDE ALEGRAMOS A FESTA COM A EXIBIÇÃO DO BOI-DE-REIS DE NÍSIA FLORESTA. ESSE GRUPO EU O RESGATEI EM 1992, ASSIM QUE CHEGUEI AO MUNICÍPIO E O MESMO ESTAVA SEMI-EXTINTO
ANIVERSÁRIO DE 2 ANOS
ALYSGARDÊNIA. FÍDIAS (2 MESES) E E LUIS CARLOS
AS TURMAS DO 1º ANO E SUAS PROFESSORAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário